COZINHA MOLECULAR ‘GRANDES CHEFES’

Hoje em dia duas expressões se tornaram populares para os amantes da gastronomia: COZINHA MOLECULAR e GASTRONOMIA MOLECULAR.

É bom explicar a diferença existente entre elas:

 
Gastronomia Molecular: é o estudo científico dos processos químicos e físicos que ocorrem durante o cozimento. É possível criar novos métodos, técnicas e equipamentos, além de aperfeiçoar os já existentes.


Cozinha Molecular: utiliza os conhecimentos descobertos da gastronomia molecular em seus pratos.

 

Na verdade, ainda hoje, tudo é uma grande confusão para quem é leigo no assunto. Porém em uma coisa todos concordam: quando o assunto é MOLECULAR o pioneiro é o chefe catalão Ferran Adrià (proprietário do badalado restaurante El Bulli).

Grant Achatz

Hoje temos alguns grandes nomes da cozinha como o chefe do alínea Grant Achatz que iniciou sua carreira como lavador de pratos na pequena cidade de Michigan.

René Redzepi

Também temos o grande chefe René Redzepi (proprietário do Noma) restaurante localizado em Copenhagen, Dinamarca, fundado em 2004. Em 2010 e 2011 foi classificado como o melhor restaurante do mundo pela lista San Pellegrino Awards

Kaká Silva

No Brasil a autoridade máxima no assunto cozinha modernista é o chefe Kaká Silva proprietário da Gastronomy lab em Brasília. Ao longo de muitos anos um estudioso dessa nova tendência é o único no Brasil a ministrar cursos de gastronomia molecular e Sous vide, ministra seus cursos na Unic Sul(Anália franco) sempre com vagas concorridíssimas por chefes e alunos de gastronomia do Brasil e América Latina

Para saber a agenda de cursos do Chefe Kaka Silva clique aqui

www.gastronomylab.com.br